Exportação brasileira de vinhos engarrafados quadruplica nos primeiros meses de 2014

Resultados do quadrimestre do ano foram impulsionados pelo fechamento de negócios com grandes redes varejistas da Europa e do Japão

 

O Brasil ainda não entrou em campo para disputar a Copa do Mundo, mas já comemora a conquista de resultados surpreendentes no disputado jogo do comércio internacional de vinhos. No primeiro quadrimestre deste ano, o placar das exportações de vinhos brasileiros engarrafados, foco dos produtos trabalhados pelo Wines of Brasil, supera em 375,5% o valor comercializado no mesmo período de 2013.

 

O montante de US$ 5,75 milhões contabilizados em vinhos e espumantes engarrafados equivale a 4,5 vezes o total exportado de janeiro a abril do ano passado e supera em 6,6% o total exportado em todo o ano 2013.

 

Para Roberta Baggio Pedreira, gerente do Wines of Brasil, a Copa ajudou a catalisar um processo de construção de imagem e aproximação comercial e dos vinhos finos brasileiros no Exterior que vem sendo realizado há 10 anos. “A realização dos grandes eventos esportivos serviu atrair a atenção do mundo para os produtos brasileiros, mas este desempenho só se concretizou porque temos vinhos a altura do que o mercado internacional exige e pelo trabalho de divulgação e de prospecção comercial realizado pelo projeto e pelas vinícolas até aqui”, explica a gestora. O Wines of Brasil é um projeto de promoção dos vinhos brasileiros no Exterior, operado pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), realizado em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

 

Outro dado comemorado é a qualificação do valor médio por garrafa exportada, que passou de US$ 3,32 para US$ 4,02, representando alta de 21%. “Não estamos nos posicionando nas categorias de entrada, nos quais países como Chile e Argentina, têm grande competitividade em função do grande volume e de menores custos de produção. O interesse maior dos compradores de vinhos brasileiros estão em vinhos de categoria intermediária, com bom custo-benefício”, observa Roberta.

 

Os mercados compradores que se destacaram neste primeiro quadrimestre (confira tabela completa abaixo) foram Reino Unido, que multiplicou em 29 vezes o valor importado do Brasil, a Bélgica, que registrou alta 51 vezes maior, a Alemanha, que incrementou o resultado em 6,5 vezes, a Holanda, com 99,5 vezes o montante do período anterior, e o Japão, que multiplicou o desempenho em 14 vezes.

 

“Há algum tempo estamos em negociação com as principais redes varejistas da Europa e Ásia, além do principal distribuidor nos Estados Unidos. No ano passado, estas empresas visitaram o Brasil, conheceram de perto a produção vitivinícola brasileira e começaram a fechar os contratos”, explica Roberta. Entre os exemplos de redes que estão com rótulos brasileiros em suas gôndolas estão as britânicas Waitrose e Marks & Spencer, as alemãs Galeria Kaufhof e Netto, e também a rede Isetan Mitsukoshi, do Japão. Vinícolas verde-amarelas também constam dos portifólios da Mack & Schüle, maior importador e distribuidor de vinhos na Europa Central, e da Southern Wines & Spirits, maior distribuidor de bebidas nos Estados Unidos.

 

Exportações brasileiras de vinhos engarrafados

Período: janeiro  abril

 

                                               2013              2014              Crescimento %

Países compradores                     26                   33                   27%

Volume exportado (l)                   364,8 mil        1,4 milhão      292,3%         

Valor exportado (US$)     1,21 milhão   5,75 milhões  375,5%

Preço médio (US$/l)                     3,32                4,02                21%

 

Grandes importadores de vinhos brasileiros engarrafados:

 

Waitrose – Uma das principais cadeias de supermercados de luxo no Reino Unido, com 312 unidades na Inglaterra, Escócia e Gales.

Marks & Spencer – Maior rede de lojas de departamento do Reino Unido, com 840 loja em 30 países.

Galeria Kaufhof – Rede Varejista Alemanha no segmento premium, com 137 lojas nas principais cidades do país e faturamento de 3,5 bilhões de euros.

Netto – Uma das mais fortes cadeias de supermercados da Europa, com 1.231 lojas na Dinamarca (sede da empresa), Alemanha, Polônia e Suécia.

Mack & Schühle – Maior importador e distribuidor de vinhos na Europa Central, com sede na Alemanha

Southern Wines & Spirits – Maior distribuidor de bebidas nos EUA

Isetan Mitsukoshi – Maior rede de departamentos do Japão, com 18,8 mil funcionários.

 

EXPORTAÇÕES VINHOS ENGARRAFADOS JANEIRO A ABRIL 2014

 

PAÍS

VOLUME (L)

USD/FOB

USD/LITRO

1

Reino Unido

282.927

$1.225.983,00

4,33

2

Bélgica

216.233

$1.005.104,00

4,65

3

Alemanha

200.468

$689.895,00

3,44

4

Países Baixos (Holanda)

141.056

$663.581,00

4,70

5

Japão

53.151

$228.165,00

4,29

6

China

23.284

$215.740,00

9,27

7

Paraguai

139.500

$203.447,00

1,46

8

Estados Unidos

83.610

$193.929,00

2,32

9

Suíça

23.139

$174.638,00

7,55

10

França

32.855

$169.602,00

5,16

11

Canadá

23.685

$150.837,00

6,37

12

Argentina

20.385

$95.130,00

4,67

13

Finlândia

12.960

$94.962,00

7,33

14

Noruega

15.333

$90.629,00

5,91

15

Hong Kong

23.373

$85.820,00

3,67

16

Portugal

71.544

$79.141,00

1,11

17

Polônia

24.045

$76.058,00

3,16

18

Colômbia

28.000

$70.000,00

2,50

19

Taiwan (Formosa)

12.519

$67.907,00

5,42

20

Luxemburgo

8.033

$46.587,00

5,80

21

Uruguai

11.291

$40.904,00

3,62

22

México

1.521

$24.336,00

16,00

23

Angola

12.182

$23.124,00

1,90

24

Coreia do Sul

4.950

$22.797,00

4,61

25

Tcheca, República

1.955

$17.666,00

9,04

26

Nova Zelândia

2.950

$14.229,00

4,82

27

Austrália

1.350

$13.020,00

9,64

28

Suécia

1.620

$11.733,00

7,24

29

Dinamarca

1.341

$6.357,00

4,74

30

Cingapura

654

$4.587,00

7,01

31

Bolívia

1.641

$2.392,00

1,46

32

Guiné Equatorial

306

$1.660,00

5,42

33

Emirados Árabes Unidos

248

$1.210,00

4,88

TOTAL GERAL:

1.478.109,00

 $5.811.170,00

3,93

Fonte:

Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior

SECEX – Secretaria de Comércio Exterior

About silviafranco

Wine writer.
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s