O Rías Baixas da Fillaboa, uma das melhores bodegas da região

Há vinhos brancos maravilhosos pela elegância aromática, acidez e frescor. E os vinhos de Rías Baixas, Galícia, se encaixam exatamente neste perfil. São excelentes e feitos a partir da Albariño. Normalmente pálidos e brilhantes na cor, são impressivos no nariz com aromas frutados, cítricos e na boca muito frescor e boa acidez.

Os brancos de Rías Baixas já estão tomando de assalto o mercado norte-americano, mas aqui temos muito pouco desta região. Lá, como aqui, são caros e não espere Rias Baixas a preços baixos. Ela é plantada em íngremes encostas e em pequenas parcelas: perde-se em economia de escala e seu preço sobe. Como bons brancos, muitos deles são vinificados em tanques, mas há quem faça a fermentação malolática (a segunda fermentação que retira a acidez mais pungente das uvas, pouco usual em brancos) e em alguns casos deixa maturar em pequenas barricas de carvalho para ganhar em complexidade. 

Pois acaba de chegar ao Brasil, pela importadora Porto Mediterrâneo, os brancos da Bodegas Fillaboa que está entre as melhores, de tanta excelência e qualidade quanto a Lagar de Fornelos, a Pazo de Señorans e a Viña Nora que aqui já estão.

Bodegas Fillaboa (em português boa filha) é a pioneira na fermentação em barril da Albarinho, assim como em manter o vinho por bastante tempo sur lees, em contato com as borras.

Degustei o Fillaboa Albariño 2009 com uma cor impressionante amarelo ouro claro, cheio de viço e graça, inacreditável por ser um vinho de 2009 e apresentar uma cor mais evoluída. Entretanto, como já se viu, Fillaboa é adepta da permanência do vinho sobre as borras e a conseqüência é este cativante dourado claro. No nariz, toda a atraente tipicidade da Albarinho de Rías Baixas, aromas de frutas brancas maduras, certa mineralidade e toques cítricos. Na boca muito frescor, médio corpo, um branco estruturado de excelente acidez. 12,5% de álcool. Um vinho saboroso que enche a boca. Produção de 125 mil garrafas ao ano. Nas lojas especializadas por R$123.

A Porto Mediterrâneo também traz o Albariño Fillaboa Selección Finca Monte Alto, um premium para guarda que a bodega começou a produzir em 2000, e que espero poder provar e relatar.

About silviafranco

Wine writer.
This entry was posted in Vinhos and tagged , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s